Home Cidade e Cotidiano União de esforços deve garantir desenvolvimento sustentável do Pantanal

União de esforços deve garantir desenvolvimento sustentável do Pantanal

0
0

O primeiro secretário da ALMT, Guilherme Maluf, participou da Feira Internacional de Turismo. O evento foca na divulgação do potencial turístico e no desenvolvimento ambiental de MT.

“Mato Grosso tem potencialidades naturais inigualáveis, representadas especialmente pela região pantaneira. Em nenhum outro local do mundo há tanta diversidade e quantidade de flora e fauna como aqui. Isso nos enche de orgulho e também aumenta nossa responsabilidade”, disse o deputado Guilherme Maluf (PSDB), ao representar o Poder Legislativo na abertura da Feira Internacional de Turismo do Pantanal (FIT Pantanal 2017), na noite desta quinta-feira (20).

O deputado destacou que estamos no centro da América do Sul, com fácil acesso aos principais destinos que encantam turistas do Brasil e do exterior. “Daí a importância estratégica desta feira para mostrar para o Brasil, para os países vizinhos e para o mundo as belezas incomparáveis do Pantanal, nosso maior patrimônio ambiental. As feiras de grande porte são vitrines para mostrar potenciais, riquezas, fazer negócios”, disse Maluf, ressaltando a vontade política do Governo do Estado, das entidades que formam o trade turístico, dos prefeitos e da Assembleia Legislativa na consolidação da Fit Pantanal 2017 como evento indutor do turismo no pantanal.

Siga o Portal LeNews no Facebook

“Esta segunda edição coincide com o ‘Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento’, decretado pela Organização das Nações Unidas (ONU). E transformar todas estas potencialidades em riquezas de forma sustentável é nossa grande tarefa”, destacou Maluf.

O deputado defendeu a união de esforços dos poderes constituídos, iniciativa privada, sociedade organizada, associações e cooperativas para a concretização das ações em termos de desenvolvimento sustentável. Maluf disse ainda que é preciso um aperfeiçoamento da legislação ambiental.

“Muitas vezes nossa legislação federal ou estadual força o abandono, seja de patrimônio histórico, seja de potenciais naturais e econômicos. Precisamos criar condições e regras para garantir o desenvolvimento com sustentabilidade e esta é uma missão e uma prerrogativa do Poder Legislativo, que vem exercendo o seu papel com dedicação e compromisso”.

O parlamentar destacou algumas iniciativas recentes de seu mandato, como a implantação da primeira Unidade Básica de Saúde Fluvial do estado, que oferecerá atendimento médico e odontológico à população ribeirinha de Poconé, Barão de Melgaço e Cáceres. “Também estamos buscando parcerias para criação da Casa do Homem Pantaneiro, em Poconé, que tem como objetivo preservar a história do pantanal mato-grossense e valorizar a cultura de seus habitantes”.

Outro avanço conquistado este ano foi a sanção da lei que reconhece a gastronomia como manifestação cultural em Mato Grosso. A lei 10.468/2016, de autoria de Maluf, estabelece o marco referencial da gastronomia como cultura no estado. “A gastronomia é parte da história e da cultura de um povo e aqui em Mato Grosso hoje é reconhecida como tal. Esse reconhecimento oficial servirá para estimular a captação de recursos para investimentos no setor, beneficiando toda a cadeia produtiva voltada para o turismo, incluindo os operadores de turismo no pantanal”, disse o deputado.

Para Maluf, a natureza deve ser valorizada e preservada tendo como foco maior o bem-estar do cidadão mato-grossense. “A suprema ecologia é o homem e o turismo sustentável gera não só resultados financeiros, mas emprego, renda e qualidade de vida para nosso povo”.

União de esforços deve garantir desenvolvimento sustentável do Pantanal Por JLSiqueira/ALMT

 

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *