Home Cidade e Cotidiano Emanuel mantém aulas presenciais suspensas e determina agendamento para atendimento ao público em órgãos municipais
Emanuel mantém aulas presenciais suspensas e determina agendamento para atendimento ao público em órgãos municipais

Emanuel mantém aulas presenciais suspensas e determina agendamento para atendimento ao público em órgãos municipais

0
0

As medidas serão publicadas na edição da Gazeta Municipal que circula nesta terça-feira (1)

BRUNO VICENTE

Por meio de novo decreto assinado nesta segunda-feira (31), o prefeito Emanuel Pinheiro prorrogou a suspensão das atividades educacionais presenciais, na rede pública municipal de ensino. Segundo o documento nº 8.447, até o próximo dia 1º de agosto, as aulas de todos os níveis devem ocorrer, exclusivamente, por meio de tecnologia digital e Estratégia de Ensino à Distância – EAD.

Dessa forma, o sistema híbrido ainda não entrará em funcionamento nas escolas públicas municipais. A medida circulará na Gazeta Municipal desta terça-feira (1) e pode ser estendida, considerando o monitoramento da evolução da Covid-19. “Nossas decisões continuam seguindo os embasamentos técnico-científicos, para superar esse momento. Desde o início agimos com responsabilidade e assim continuaremos”, afirma Emanuel.

Além disso, o chefe do Executivo municipal determinou ainda que, até o dia 15 de junho, o atendimento presencial em todos os órgãos públicos municipais ocorra mediante agendamento, sendo sempre observada a capacidade do local e outras medidas de biossegurança como disponibilização de álcool 70%, uso obrigatório de máscara e distanciamento mínimo de 1,5 metro entre uma pessoa e outra.

Somado a isso, os órgãos devem implantar os sistema de rodízio de servidores públicos e colaboradores e de turnos de trabalho, seguindo horários diferenciados de entrada e saída, com o intuito de diminuir o a circulação de pessoas no mesmo local. Também devem adotar manutenção de portas e/ou janelas abertas, visando a constante circulação e renovação do ar natural no ambiente.

Confira abaixo o decreto na íntegra 

Arquivos Anexados:

Deixe uma resposta