Home Cidade e Cotidiano Hospital São Benedito faz transferência de pacientes e até sábado (13) atenderá somente casos de Covid

Hospital São Benedito faz transferência de pacientes e até sábado (13) atenderá somente casos de Covid

Hospital São Benedito faz transferência de pacientes e até sábado (13) atenderá somente casos de Covid
0
0

A unidade de saúde passa a contar com 60 leitos de UTI Covid e 40 leitos de enfermaria Covid.

JAD LARANJEIRA

O Hospital Municipal São Benedito já começou com as transferências de pacientes que estão internados na unidade hospitalar com outras enfermidades, já que a partir da próxima semana o Hospital será exclusivo para o atendimento de pacientes acometidos pela Covid-19.  Com isso, Cuiabá passa a contar com mais um hospital de referência no combate à Covid-19. A medida integra um plano de readequações  e abertura de leitos, anunciado pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro na tarde de terça-feira (9).

Desde o ano passado, o Hospital São Benedito já  disponibilizava para a população 40 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Covid. Com a mudança, o Hospital passará a contar com  60 leitos de UTI  e  outros 40 leitos de enfermaria.

Com a instalação dos novos leitos, a capital passa a ter 155 leitos exclusivos de UTI Covid, distribuídos entre Hospital Referência (95 vagas – sendo 80 para adultos e 15 pediátricas) e outras 60 no São Benedito.

De acordo com o Núcleo Interno de Regulação (NIR) do Hospital São Benedito, desde o começo da semana os pacientes da unidade de saúde já começaram a ser transferidos, em sua maioria para o Hospital Municipal de Cuiabá (HMC). Conforme os dados do NIR, quatro pacientes de UTI já foram transferidos, cinco aguardam transporte e cinco aguardam a disponibilização de leitos para serem transferidos. Já dos que estavam nos leitos de enfermaria de neurocirurgia, cinco pacientes já foram transferidos, bem como cinco que estavam nos leitos de enfermaria de ortopedia.

O diretor da Empresa Cuiabana de Saúde, que administra o São Benedito, Célio Rodrigues, a expectativa é de que até sexta-feira (12) sejam transferidos todos os pacientes e já no sábado (13), o hospital esteja disponível somente para os que forem acometidos pela Covid-19.

“A gente precisa abrir leitos, porque as pessoas estão chegando muito ruim nos hospitais por falta de vagas. Então quanto mais tempo demora para abrir vaga, mais ela vai agravando no estado de saúde e o risco de morte se torna muito maior”, disse.

O gestor do hospital também afirmou que todos os pacientes que estão internados para cirurgias eletivas continuarão e os procedimentos serão realizados no HMC. Os que não estiverem internados, conforme o decreto municipal, terão que aguardar o período de pandemia passar, uma vez que as cirurgias eletivas estão suspensas.

Já o trabalho do programa SOS AVC, que era realizado por meio do São Benedito, continuará, no entanto, no Hospital Municipal de Cuiabá, bem como os atendimentos de urgências e emergências.

 

Reestruturação  –  Para salvar e proteger vidas, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, anunciou em coletiva na tarde de terça-feira (9), a ampliação da rede de atendimento na rede municipal de Cuiabá. Além do reforço na terapia intensiva, Cuiabá passará a contar com mais 109 leitos de enfermaria exclusivas para pacientes com covid-19, sendo 18 na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Verdão, 25 leitos na Policlínica do Verdão, 26 na UPA Sul, que fica no bairro Pascoal Ramos.

Deixe uma resposta