Município libera Estado para realizar reparos na trincheira Jurumirim e pede grande campanha publicitária para orientar população

Município libera Estado para realizar reparos na trincheira Jurumirim e pede grande campanha publicitária para orientar população

Município libera Estado para realizar reparos na trincheira Jurumirim e pede grande campanha publicitária para orientar população

0
0

FERNANDA LEITE

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, reiterou que o Governo do Estado poderá começar os reparos na trincheira Jurumirim – a partir do dia 17 deste mês.  Isso porque, o novo viaduto Murilo Domingos, na Avenida Manoel José de Arruda (Av. Beira Rio) – será entregue para a população nesta segunda-feira (10).

O prefeito cita que somente não liberou a obra antes, para evitar caos no trânsito. “Já tínhamos o novo viaduto provocando congestionamento no trânsito. A ideia é liberar essa obra após o Murilo Domingos ser entregue e assim está sendo feito. A partir do dia 10, já pode mexer com os trâmites, por exemplo, sinalizar as vias, dar publicidade nessas  rotas. Tudo isso é para não pegar o povo de surpresa”, explicou o prefeito.
A Trincheira deve ser interditada  – pelo Governo do Estado  – por um período estimado de sete meses para que seja corrigido um problema no sistema de drenagem de águas pluviais. A previsão é que, somente na parte inferior, deva ser retirado cerca de 1,5 metro de solo e substituído por outro de melhor qualidade. Essa obra foi orçada em R$ 50,5 milhões e  estava no pacote das grandes obras de mobilidade que seriam entregues em 2014 – antes dos jogos da Copa do Mundo – a Capital foi uma das subsedes. A trincheira foi entregue somente em  2016 com diversos problemas de  engenharia.

Deixe uma resposta