Home Destaques Sessenta policiais participam do 7º Curso de Operações da Rotam
Sessenta policiais participam do 7º Curso de Operações da Rotam

Sessenta policiais participam do 7º Curso de Operações da Rotam

0
0

Greyce Lima | Secom-MT

A aula inaugural do 7º Curso de ‘ Operações Rotam’ da Polícia Militar de Mato Grosso foi realizada na manhã desta sexta-feira (09.08), no auditório da Escola do Tribunal de Contas do Estado (TCE). A capacitação é oferecida por meio da Diretoria de Ensino, Instrução e Pesquisa da PM.

O curso tem três meses de duração e conta com a participação de 60 alunos-policiais, sendo 22, do Batalhão Rotam; 37, de unidades da Força Tática; e um militar de Mato Grosso do Sul. Abrindo a solenidade, o subchefe do Estado-Maior, coronel Delwison Sebastião Maia da Cruz, destacou que a instituição está sempre empenhada em oferecer cursos e capacitações para a tropa.

“O curso se faz necessário porque proporciona aos profissionais de segurança pública meios de preservação de integridade física, além de contribuir com qualidade dos serviços a sociedade” frisou.

Com 750 horas, a capacitação oferece aulas em tempo integral, com ensino teórico e prático, em diversos ambientes e situações. O comandante do Batalhão de Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), tenente-coronel Cleverson Leite, explicou que o curso prepara os policiais para se tornarem multiplicadores dos conhecimentos do rádio patrulhamento tático.

“Esses policiais serão capacitados para repassar a doutrina Rotam em seus pólos pelo interior do Estado. É uma especialização para atendimento de ocorrência de média e alta complexidade”, contou Leite.

O comandante da Rotam no Estado de Goiás, tenente-coronel Benito Campos, palestrante do evento disse que a Rotam de Mato Grosso se destaca pelas operações incisivas contra o crime organizado.

“Eu agradeço ao convite para ministrar essa palestra, pois é uma oportunidade que temos de trocar conhecimentos e interagir. A Rotam do Estado de Mato Grosso é referência em ações incisivas contra a criminalidade”, pontuou.

tags:

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *