Home Mato Grosso Aos 89 anos, morre Pedrossian que comandou Mato Grosso antes da divisão

Aos 89 anos, morre Pedrossian que comandou Mato Grosso antes da divisão

0
0

 

Patrícia Sanches

O ex-governador de Mato Grosso Pedro Pedrossian morreu, aos 89 anos, na madrugada desta terça (22), em Campo Grande. Pedrossian esteve à frente do Executivo estadual entre 1966 e 1971. Ele era o último governador vivo da época em que os dois estados vizinhos ainda eram um só.

Em novembro de 1980, assume o comando de Mato Grosso do Sul, sendo o o terceiro governador nomeado. O ato foi assinado pelo então presidente da República João Figueiredo.

Para se tornar chefe do Executivo do Estado vizinho, ele renunciou ao mandato de senador. Depois, Pedrossian foi eleito pelo voto popular, tendo ficado à frente do Estado vizinho entre 1991 e 1994.

Nascido em 13 de agosto de 1928, em Miranda, Pedrossian completou 89 anos neste mês. Ele era engenheiro civil. “Meu pai é um homem absolutamente realizado”, diz o empresário Pedro Pedrossian Filho, em entrevista ao G1 MS.

A morte ocorreu em casa por volta das 3h30 (de MS), mas a causa não foi informada. O velório será realizado no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, no Parque dos Poderes, na capital sul-mato-grossense, mas ainda não há hora.

Ex-governador Pedro Pedrossian, esposa Maria e Taques em visita feita no início do ano

Visita

Em março deste ano, o governador de Mato Grosso Pedro Taques (PSDB) aproveitou uma viagem em Campo Grande para visitar o ex-governador. Na oportunidade, destacou o o posicionamento de Maria Aparecida, ex-primeira dama, que lhe revelou ter sido contra a divisão do Estado. “Sempre fomos contra a divisão, a favor da união”, declarou a ex-primeira-dama.

(Com informações do G1 MS) e Rdnews)

Deixe uma resposta