Sinais do corpo aos 40 anos podem ajudar a detectar Alzheimer antes

0
0

Doença conhecida como ‘da substância branca’ está associada à demência

Cientistas desvendaram um processo que procede o acúmulo de proteínas tóxicas no cérebro, uma condição que é marca de quem tem a doença de Alzheimer.

Segundo o site VivaBem, do UOL, um estudo publicado na Nature Medicine mostra que danos às células cerebrais podem desencadear a doença conhecida como “da substância branca” do cérebro, também associada à demência. É uma desordem progressiva causada por falha nos nervos que conectam diferentes partes do cérebro, dificultando a comunicação dos neurônios.

Problemas na substância branca fazem aparecer sintomas como perda de memória, confusão de pensamentos e até falta de equilíbrio. De acordo com o site, o pesquisador Berislav Zlokovic afirma que essa doença contribui para quase 50% dos casos de demência no mundo, incluindo Alzheimer.

Um teste feito com ratos provou que a doença da substância branca começa a dar sinais aos 40 anos de idade em humanos. Muito antes que os sintomas de demência apareçam com força total.

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *