Home Segurança Fórum discute fortalecimento da rede intersetorial da política sobre drogas

Fórum discute fortalecimento da rede intersetorial da política sobre drogas

0
0

Evento segue durante toda a quinta-feira, no auditório da OAB, em Cuiabá

por Raquel Teixeira | Sejudh-MT

Representantes de municípios, gestores estaduais e sociedade civil organizada participam em Cuiabá do 2º Fórum Estadual de Políticas sobre Drogas, organizado pela Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos. O evento foi aberto nesta quarta-feira (21.06) e tem entre os principais debates a apresentação de estudos e experiências com dependentes químicos, aproximação intersetorial entre entes que atuam na área e o fortalecimento nos municípios dos Conselhos sobre Drogas.

A Superintendência de Políticas sobre Drogas, responsável pelo Fórum, tem como missão articular e fortalecer a Rede Intersetorial de Atenção e Cuidado Sobre Drogas, fomentar a implementação de ações intersetoriais do Conselho Estadual e fortalecer ações de Proteção e Prevenção ao Uso de Álcool e outras Drogas. Desta forma, conforme o superintendente Mário Quidá Neto, o evento se propõem a ser um espaço de debates destacando os eixos da prevenção, redução de danos, educação, pesquisa e reinserção social que devem estar presentes em todas as políticas e discussões sobre o assunto. “O fortalecimento da rede intersetorial é fundamental para o bom desempenho de qualquer ação da política sobre drogas, pois um eixo isolado não obtém sucesso”.

Siga o Portal LeNews no Facebook

Membro do Conselho de Políticas sobre Drogas da OAB-MT, o advogado Pedro Verão destacou a necessidade de engajamento de vários atores institucionais na discussão, que deve ser permanente.

Representando o secretário de Estado de Justiça e Direitos Humanos, o secretário adjunto de Justiça, Enéas Figueiredo Junior, reforçou o trabalho que vem sendo promovido para o fortalecimento e abertura dos conselhos municipais de Políticas sobre Drogas, além da articulação intersetorial. “A educação é um eixo fundamental nesse contexto, em que a atuação em rede deve ser fortalecida para que a continuidade não se perca e a rede de proteção tenha sua efetividade garantida”.

Palestras

O primeiro dia do Fórum contou com palestras de Susani Sandim, especialista em saúde pública, que apresentou a pesquisa ‘Ensaios sobre o crack” realizada com usuários na capital.

Outra palestra com a psicóloga da Sejudh, Gisele Machado apresentou a experiência de trabalho na Penitenciária Central do Estado com pacientes com transtorno mental e dependência química, que cumprem medidas de segurança.

Programação

O 2º Fórum de Políticas sobre Drogas continua nesta quinta-feira, 22 de junho, com palestras a partir das 8h30, no auditório da OAB-MT.

Confira a programação.

Deixe uma resposta