Home Segurança Núcleos de Inteligência Policial começam a funcionar em 15 de fevereiro

Núcleos de Inteligência Policial começam a funcionar em 15 de fevereiro

0
0

Unidades vão reunir áreas de inteligência dos governos (federal e estaduais), das polícias (federal, rodoviária federal, civil e militar) e do sistema penitenciário.

Natal (RN), Porto Alegre (RS) e Aracaju (SE) são as primeiras cidades escolhidas para a implantação das primeiras experiências do Plano Nacional de Segurança, que começam em 15 de fevereiro. A data foi definida em reunião nesta terça-feira (17).

A escolha se deve ao fato de que as três capitais já atuam, desde o ano passado, em cooperação com o Ministério da Justiça e Cidadania, com presença da Força Nacional.

É nessa data que começam a funcionar os Núcleos de Inteligência Policial (Nipo), que unirão áreas de inteligência dos governos (federal e estaduais), das polícias (federal, rodoviária federal, civil e militar) e do sistema penitenciário.

Um mapeamento das três cidades permite a identificação dos pontos que concentram maiores índices de criminalidade, além de informações que permitirão a formulação de estratégias de combate ao crime e de ações conjuntas das polícias.

Plano Nacional de Segurança

O projeto baseia-se em três objetivos: redução de homicídios dolosos, feminicídios e violência contra a mulher; racionalização e modernização do sistema penitenciário; e combate integrado à criminalidade organizada transnacional. Conheça aqui a íntegra da proposta do plano.

O caminho para atingir as metas prevê ações conjuntas de segurança pública e inteligência entre os governos estaduais e federal, além da criação de mecanismos que integrem a atuação das forças de segurança.
Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Justiça

Deixe uma resposta